Capes PrInt (Sociology)

Democracia, Desigualdades Sociais e Políticas Públicas


Goals

O objetivo geral do projeto é realizar uma série de pesquisas sobre a multidimensionalidade das desigualdades sociais e políticas públicas de combate às desigualdades, tendo em vista a diversidade de expertises dos docentes do Programa de Pós-Graduação em Sociologia do IESP-UERJ e suas redes internacionais.

Objetivos específicos a cada dimensão analisada são descritos a seguir:

  • A) Desigualdades raciais e ações afirmativas: O objetivo é analisar de que modo as intervenções focais que buscam a reversão dos efeitos socioeconômicos de um dado tipo de discriminação, isto é, as políticas de ação afirmativa em uma compreensão ampla, vêm sendo incorporado em diferentes políticas públicas redistributivas. Sobretudo, busca-se entender como tal princípio é normatizado em procedimentos concretos, quais suas justificativas e eventuais insuficiências, bem como seus impactos concretos na sociedade;
  • B) Desigualdades socioespaciais na Região Metropolitana do Rio de Janeiro: O objetivo é elaborar etnográfica e analiticamente uma agenda de pesquisa sobre múltiplas dimensões das desigualdades socioespaciais, centrada na produção da moradia de baixa renda, tanto no Rio de Janeiro quanto em outras cidades do dito sul global. O propósito é avançar no sentido de uma leitura qualitativa das desigualdades urbanas (e sua reprodução no tempo e no espaço), tendo em vista a conjuntura de megaeventos a crise econômica e política que se instalou no estado do Rio de Janeiro desde então;
  • C) Poder Judiciário e a naturalização das desigualdades: Procuramos desenvolver uma agenda de pesquisa que explore o novo ambiente dentro do qual tribunais têm mobilizado pautas até então estranhas aos seus postulados fins institucionais. À título e em nome de uma “igualdade material”, de um Direito e de um processo que tratam desigualmente os desiguais, na medida de suas desigualdades, juízes têm erigido um Direito que, no lugar de combater as desigualdades, atua como forte dispositivo de sua naturalização. Através do emprego de conceitos tais como “ativismo judicial”, “materialização do Direito”, “judicialização da política” e “politização da justiça”, um novo papel dos tribunais é pressuposto;
  • D) Estratificação educacional: Estratificação educacional refere-se ao estudo dos aspectos seletivos do ciclo escolar dos estudantes em relação a suas origens sociais, e do efeito da escolaridade sobre a realização socioeconômica dos indivíduos (Hauser, 1970). Este estudo localiza-se dentro da primeira temática, buscando investigar os processos de seleção que diferenciam o desempenho e os recursos dos estudantes ao longo do sistema educacional.

Para assegurar tais objetivos, busca-se consolidar e ampliar as redes de pesquisa e parcerias internacionais desenvolvidas pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia, de tal forma que o CAPES PrInt permita a capacitação de docentes e de discentes no exterior, a atração de pesquisadores do exterior para estadias no Rio de Janeiro, a publicação em coautoria com pesquisadores estrangeiros, o incremento da publicação em revistas internacionais de impacto e a ampliação da visibilidade internacional do programa e de suas pesquisas.


Team

Coordenação:

Fernando de Castro Fontainha
PhD in Political Science (Université de Montpellier 1 -2011)

Comitê gestor:

Mariana Cavalcanti Rocha dos Santos
PhD in Anthropology (University of Chicago-2007)
Fernando de Castro Fontainha
PhD in Political Science (Université de Montpellier 1 -2011)
Breno Marques Bringel
PhD in Political Science (Universidad Complutense-2010)

Pesquisadores:

Mariana Cavalcanti Rocha dos Santos
PhD in Anthropology (University of Chicago-2007)
Luiz Augusto Campos
PhD in Sociology (IESP-UERJ – 2013)
Luiz Augusto Campos
Doutor em Sociologia (IESP-UERJ – 2013)
José Eduardo Leon Szwako
PhD in Social Sciences (Unicamp-2012)
Fernando de Castro Fontainha
PhD in Political Science (Université de Montpellier 1 -2011)
Carlos Antonio Costa Ribeiro
PhD in Sociology (Columbia University-2002)
Breno Marques Bringel
PhD in Political Science (Universidad Complutense-2010)

Partner Institutions


Activities and results

Eventos:

19 de novembro de 2020
“Higher Education in Brazil: Challenges Ahead”, a conversation with Dr. Luiz Augusto Campos

New York University (Steinherdt)

17 a 19 de outubro de 2019
Jornadas “La teoría social latinoamericana: emancipación y nuevos horizontes”


IFCS-UFRJ | IESP-UERJ (Rio de Janeiro)

12 de março de 2019
“The Other Side of Violence: Marielle Franco and the Struggle for Brazilian Democracy”
Harvard University (Cambridge)

Artigos:

CAVALCANTI, Mariana. “I am because we are”: Marielle Franco’s death, life, and work. Transition, v. 129, p. 218-230, 2020.

MACHADO, C. ; CAMPOS, Luiz Augusto ; RECCH, F. . Race and Competitiveness in Brazilian Elections: Evaluating the Chances of Black and Brown Candidates through Quantile Regression Analysis of Brazil?s 2014 Congressional Elections. BRAZILIAN POLITICAL SCIENCE REVIEW, v. 13, p. e0005, 2019.

Janusz, Andrew and Campos, Luiz Augusto, Candidate Advertisements and Afro-Brazilian Political Marginalization (August 1, 2018). Latin American Research Review, Forthcoming, Available at SSRN: https://ssrn.com/abstract=3690578 or http://dx.doi.org/10.2139/ssrn.3690578

Apresentações em congressos:

LASA2020 / Améfrica Ladina: vinculando mundos y saberes, tejiendo esperanzas
15/3/2020
Measuring political overrepresentation of “whites” in Latin American
Luiz Augusto Campos

Podcast
Mobilization and advocacy in contexts of massive urbanisation – Part 2
19 de Dezembro 2020
Mariana Cavalcanti


Mobility

Bolsas de doutorado-sanduíche no exterior:

  • Amanda Evelyn Cavalcanti de Lima, Universitat di Pisa, 01/09/2019 a 29/02/2020
  • Francisco Julião Marins Bedê, Freie Universitat Berlin, 02/01/2020 a 30/06/2020
  • Mariah Queiroz, FAPERJ

Bolsa de professor visitante no exterior: