“Impacto de Lula no cenário eleitoral de 2022 vai depender do ‘figurino’ que petista adotar, dizem analistas” matéria com Christian Lynch

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Em matéria assinada por Guilherme Caetano, o jornal O Globo procurou cientistas políticos para analisarem os possíveis efeitos do resgate dos direitos políticos do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva na eleição presidencial brasileira esperada para o próximo ano. Entre os colaboradores, está o professor do IESP-UERJ Christian Lynch:

 

Tanto para Melo quanto para Lynch, uma eventual disputa entre Lula e Bolsonaro permitirá que duas grandes forças políticas, o antipetismo e o antibolsonarismo, meçam suas grandezas eleitoralmente.

— O antipetismo ainda existe, mas o antibolsonarismo está forte. Dependerá do movimento de Lula, porque não vejo Bolsonaro conseguindo se flexibilizar. Ele governa para 25% do eleitorado e não vai mudar — diz Lynch.

 

Leia a matéria completa na página do Globo (conteúdo restrito para assinantes).

 

Comments are closed.